Revista Evva promove em Fraiburgo o 1º Troféu “Mulheres que inspiram”

QUEM É A MULHER QUE TE INSPIRA?

Estão abertas as inscrições para o 1º Prêmio REVISTA EVVA “MULHERES QUE INSPIRAM” 2018, que reconhecerá e premiará as melhores iniciativas do público feminino no empreendedorismo e crescimento da nossa cidade. As candidatas concorrem a um troféu, ao selo de vencedora e a outros diversos brindes. O prazo final para se inscrever é 08 de março de 2018. Não deixe para a última hora!

Todos nós temos pelo menos uma mulher em quem procuramos nos espelhar, que nos incentiva ou até queremos (ser como você quando crescer). Muitas são as que consideramos belas, inteligentes ou bem sucedidas – mas estamos falando aqui especialmente daquelas que ainda por cima, nos inspiram, seja na carreira, na vida publica ou na vida pessoal. Chefe, cliente, parceira, amiga, esposa, mãe ou filha: A pergunta é: Quem é a mulher que te inspira?

O objetivo da Revista EVVA, é contar a trajetória dessas mulheres. Cada uma na sua área. Uma faz roupas, outra cozinha; uma mora em bairro nobre, a outra cata lixo; uma delas desfruta da tranquilidade do campo e a outra tem que lidar com os estragos provocados ao meio ambiente pela rotina da cidade grande. Não importa qual é a sua função. O que importa é que: A mulher pode ser, estar e ocupar o espaço que ela quiser.

Sua trajetória pode abrir caminho para outras mulheres Fraiburguenses

 

Na tradução literal do verbo, empreender quer dizer “realizar”, “pôr em execução” ou “decidir fazer uma tarefa difícil e trabalhosa”. Para o mercado, empreender significa sair da zona de conforto, produzir algo novo e ganhar dinheiro com isso; movimentar a economia e empregar pessoas. Na vida pessoal, o mesmo verbo assume simbologias diversas. Para alguns, é mudar completamente de vida, realizar sonhos, resgatar a autoestima e descobrir o próprio valor. No caso das mulheres, a prática pode ter um significado ainda mais especial. O empreendedorismo feminino denota a superação dos gêneros. A mulher empreendedora no Brasil é aquela que assume a própria família, que se dedica aos estudos para se superar. É a mesma que deseja se sustentar e cuidar dos filhos. Uma mulher criativa, que transforma em ouro aquilo que faz de melhor. Isso sem falar nas que são empreendedoras individuais. Aquela artesã que faz peças em casa e vende para os conhecidos; a doceira que atende os clientes na própria cozinha ou a moça que vende cosméticos de porta em porta. Entre os micro empreendedores individuais identificados, as mulheres registraram maior participação que os homens, segundo pesquisa do IBGE

 

 

. “Nos tempos atuais temos mais mulheres responsáveis pelo sustento da casa. Além disso, elas têm mais anos de estudos e estão mais preparadas para empreender do que os homens, ampliando seu espaço na economia”. Sendo sua própria chefe, a mulher tem mais flexibilidade de tempo e consegue conciliar as tarefas de trabalhar, educar os filhos e dedicar-se a família”, Especialistas acrescentam que:  Entre as particularidades desse público, está a facilidade de comunicação e a sensibilidade em lidar com os empregados. “Elas valorizam seus funcionários, estão mais preocupadas com capacitação das pessoas, querem ver sua equipe de trabalho crescer”. Mulheres também conseguem liderar equipes inteiras com firmeza, não temem os riscos, enfrentam preconceitos. Algumas seguem o caminho do próprio sonho, outras vivem o sonho de ver os demais desfrutarem das mesmas conquistas. Mulheres talentosas que quebram a cabeça para encontrar uma forma de ganhar dinheiro, ter prazer com o trabalho e ainda se destacar no que fazem. Fonte: Correio Braziliense

VEM AI! PRIMEIRO TROFÉU “MULHERES QUE INSPIRAM”

Categories: Cultura e Educação,Destaques,Notícias,Revista Evva

Tags: ,,,,,,,,,